Vacina da Gripe é oferecida para toda a população a partir de hoje

Após a imunização pela vacina contra a gripe dos grupos de risco, a Secretaria Municipal de Saúde de Campo Grande (SESAU) disponibiliza, a partir desta segunda-feira (02), as doses remanescentes da vacina para aplicação em toda a população.

Devido ao jogo do Brasil, as unidades básicas de saúde (UBS/UBSF) devem abrir às 13 horas e em cada local, haverá em média, 220 doses disponíveis.

Os profissionais das salas de vacinação poderão distribuir senhas conforme a quantidade correspondente de vacina disponível na unidade, além de encerrar a vacinação às 16h45.

Para receber a vacina é necessário apresentar a caderneta de vacinação, o número do prontuário da rede municipal de Saúde (Hygia) e o Cartão SUS. A dose aplicada será registrada no prontuário eletrônico do paciente para garantir o controle dos imunobiológicos.

Após dois meses de Campanha de Vacinação a Sesau imunizou 96,78% do público alvo, ultrapassando a meta de 90% estipulada pelo Ministério da Saúde como essencial. Foram vacinadas até o último dia 20, 191.453 pessoas do grupo de risco estimado em 197.820. Dois grupos recomendados para vacinação não atingiram a cobertura vacinal desejada, ficando abaixo do satisfatório: crianças de 6 meses a menores de 5 anos, com 76,32% (41.548) e gestantes com 65,58% (6.752).

Os idosos, trabalhadores da saúde, puérperas e professores atingiram a meta de vacinação, sendo que o primeiro grupo alcançou 106,714% (85.451), o segundo 91,92% (21.244), as mulheres que deram à luz recentemente 90,25% (1.527) e os educadores com 136,94% (9.049). Os pacientes portadores de comorbidades atingiram 85,01% (18.356), índice considerado satisfatório.

Fim de semana
Este fim de semana (30 de junho e 1 de julho) é a última oportunidade do grupo de risco, além das crianças de 5 a 9 anos e adultos de 50 a 59 anos tomarem a vacina com prioridade. A Sesau disponibiliza as doses em unidades que realizam plantão de imunização: Centros Regionais de Saúde (CRS) Nova Bahia, Aero Rancho, Tiradentes e Coophavilla II. Nestes locais, as salas ficam abertas das 7h15 às 10h45 e das 13h às 16h45.

Fazem parte do grupo de risco pessoas a partir dos 60 anos, crianças na faixa etária de 6 meses a menores de 5 anos, gestantes, mulheres até 45 dias após o parto, os trabalhadores da saúde, professores das escolas públicas e privadas,  povos indígenas, grupos portadores de doenças crônicas, adolescentes e jovens de 12 a 21 anos que estejam sob medidas socioeducativas, a população privada de liberdade,  os funcionários do sistema prisional e estagiários da área da saúde.

Documentação
Para receber a dose, todos os indivíduos do grupo de risco devem apresentar o Cartão Nacional de Saúde (CNS) e/ou número prontuário da rede de saúde de Campo Grande (Hygia), documento pessoal de identificação e a caderneta de vacinação (caso tenha).

Além dos documentos exigidos para todos os doentes crônicos, devem apresentar laudo médico ou atestado da doença, podendo ser aceita cópia do receituário médico recente, as gestantes e puérperas: cartão da gestante, laudo médico ou exames com identificação; profissionais de saúde: a carteira de conselho ou holerite; os indígenas: cadastro na SESAI.

A doença
A gripe é uma doença respiratória causada pelo vírus influenza que é transmitida através do contato com secreções das vias respiratórias, eliminadas pela pessoa contaminada ao falar, tossir ou espirrar e também por meio das mãos e objetos contaminados, quando entram em contato com a boca, olhos e nariz. A gripe provoca febre, dores no corpo e mal estar. Quem perceber esses sintomas deve procurar um posto de saúde.

Prevenção
Cuidados simples ajudam na prevenção contra a Gripe:

  • Lave as mãos com água e sabão e use álcool gel 70% regularmente, especialmente depois de tocar o nariz e a boca ou superfícies que possam estar contaminadas;
  • Proteja o nariz e a boca. Cubra-os enquanto espirra ou tosse e use lenços descartáveis.
  • Evite tocar a boca e o nariz.
  • Melhore a circulação de ar abrindo as janelas.
  • Evite ficar por muito tempo em locais com grande aglomeração de pessoas.
  • Mantenha hábitos saudáveis: coma e durma bem, além de fazer exercícios físicos regulares.

Seja o primeiro a comentar

Deixe uma resposta

Seu e-mail não será publicado.


*